CONHEÇA NOSSO BLOG
13Mar
Mulher jovem consulta as fontes de pesquisa do tradutor

Fontes de pesquisa do tradutor: conheça as 4 principais

Compartilhe!

Tanto na tradução juramentada quanto na tradução técnica é importante que o tradutor tenha domínio técnico da língua. Deste modo, manter-se bem atualizado é o melhor recurso para garantir um bom desempenho no serviço. Neste artigo, citamos as 4 principais fontes de pesquisa do tradutor. Quer saber quais são elas? Continue a leitura!

Quais são as fontes de pesquisa do tradutor profissional?

As fontes de pesquisa do tradutor são:

  1. dicionários;
  2. glossários;
  3. corpora;
  4. recursos eletrônicos.

O conhecimento dessas fontes de pesquisa é fundamental para tornar as traduções mais qualificadas e com menor perda de sentido original. Saiba mais sobre cada um delas abaixo!

1- Dicionários

O tradutor profissional, seja ele juramentado ou técnico, é um eterno estudante. Afinal, precisa estar sempre em busca do conhecimento de novos termos e elementos que facilitem a rotina de tradução.

Por essa razão, o dicionário está entre as fontes de pesquisa do tradutor. Embora o profissional seja habilitado para a função em decorrência do conhecimento técnico, o dicionário atua como elemento de suporte e consulta.

2- Glossários

Os glossários formam outra fonte de pesquisa do tradutor. Se diferenciam dos dicionários por serem compostos por termos técnicos de uma determinada área. Sendo assim, inclui uma série de terminologias específicas com explicação mais detalhada sobre cada uma delas.

Ao consultar os glossários, os tradutores garantem que a tradução seja coerente com o contexto em que está inserida.

3- Corpora

O corpora surgiu a partir da Linguística de Corpus. Trata-se de um conjunto de ferramentas que se relaciona com os estudos da tradução por entendê-lo como um evento comunicativo. Ou seja, o corpora compreende o contexto de produção, objetivos e pressões que estão em torno da produção do material que será traduzido.

Deste modo, funciona como uma das fontes de pesquisa do tradutor por apontar as convenções mais comuns relacionadas ao perfil de texto: estrutura, estilo, características lexicais, estilística e artifícios literários.

À vista disso, o corpora é um estudo que embasa a linha de produção das traduções.

4- Recursos eletrônicos

Por fim, os recursos eletrônicos são entendidos como grandes auxiliadores no processo de extração dos termos de tradução. Por serem desenvolvidos por sistemas, são capazes de obter termos de acordo com os parâmetros predefinidos pelo tradutor. À vista disso, geram maior agilidade e redução de custo no desenvolvimento do projeto.

É válido destacar que os recursos eletrônicos atuais também concedem espaço à criação de ferramentas de memória de tradução. Assim, os softwares usados para essa finalidade garantem o suporte que o tradutor profissional precisa no dia a dia.

Escolha a Lítero!

Agora que você já conheceu as fontes de pesquisa do tradutor, lembre-se que a nossa agência de tradução é referência no ramo. Oferecemos tradução juramentada, tradução técnica, revisão de texto e muito mais!

Entre em contato para tirar suas dúvidas sobre nossos serviços e escolher aquele que melhor atende sua necessidade!

 

Posts RecentesCategoriasTags