CONHEÇA NOSSO BLOG
03Jul
checagem da tradução técnica

Checagem da tradução técnica: quais itens são analisados?

Compartilhe!

A tradução técnica se caracteriza por não formular um documento de ordem não oficial. Esta questão a difere do modelo juramentado, por exemplo. Em detrimento disso, ela tende a ser destinada ao conhecimento de um público-alvo específico para qual o documento técnico se destina. Neste artigo, falaremos sobre quais itens devem ser analisados durante o processo de checagem da tradução técnica. Continue a leitura para descobrir quais são eles. Ao final, veja como a Lítero é a empresa ideal para te auxiliar.

Quais pontos estão presentes na checagem da tradução técnica?

1- Jargões e abreviações

A tradução técnica pode ser utilizada para documentos de diversas áreas de atuação: marketing, construção civil, turismo e economia, dentre outras. Em razão disso, os jargões e abreviações encontrados ao longo de textos técnicos empregados nessas áreas servem como base na checagem da tradução técnica.

O estudo destes tópicos é importante, pois nem sempre existe uma palavra no outro idioma que tenha mesmo sentido. O desafio dos tradutores, portanto, é adequá-los em um contexto onde o significado não seja perdido e nem distanciado do que era promovido no idioma oficial.

2- Palavras funcionais

Entende-se como palavras funcionais aquelas que fazem menção a um grupo. Exemplo: artigos, pronomes, preposições e conjunções. Quando a tradução técnica opera sobre elas, é essencial que haja a preservação da coerência e da concretude das ações propostas por estas quando dispostas no texto técnico.

Atenção: a má contextualização de uma palavra funcional pode modificar toda a estrutura do documento. Logo, é capaz de impedir a continuidade de um projeto.

3- Símbolos

O processo de checagem da tradução técnica concede aos símbolos suma importância. Afinal, estes também devem ser traduzidos de modo correto para que a credibilidade do documento continue a prevalecer. Por conta deste fator, o tradutor deve ser qualificado para compreender as conotações e diferentes usos desses dentro de um texto técnico.

4- Estrutura

Embora os documentos técnicos possam ser traduzidos, devem manter estilo de formatação que não destoa do objetivo principal. Um TCC, por exemplo, precisa das regras rígidas da ABNT para que seja validado e não denotado como material de plágio.

É comum que o material depois de traduzido tenha alterações tanto no tamanho. Portanto, na checagem da tradução técnica, o tradutor precisa manter atenção voltada para estrutura a fim de impedir a desconfiguração do documento e inadequação à atividade-fim.

5- Adequação cultural

Por fim, o texto técnico depois de traduzido também deve obedecer aos critérios de adequação cultural ao repertório da sociedade onde foi desenvolvido. A distorção entre crenças do autor e inadequação de critérios envolvidos na análise são capazes de prejudicar o propósito do tema proposto.

Onde encontrar um tradutor técnico qualificado?

Gostou de conhecer os itens que são analisados durante a checagem da tradução técnica? A Lítero é a empresa que traz soluções completas para as traduções. Nossos profissionais estão habilitados para prestar o serviço de tradução técnica em todo território nacional. Solicite seu orçamento conosco!

Aproveite para ler mais artigos com temas semelhantes a este em nosso blog. Encontre:

Posts RecentesCategoriasTags